Blogue especialmente dedicado à minha filha *MARTA CASTRO* a razão maior duma vida em amor !!!

Eu tenho a noção exata // Das minhas limitações // Mas quando d'amor se trata // Perco todas as noções.

A maior parte destes // 685 // poemas têm o Fado como destinatário.

*

Fraquezas

A força que parece ser tão forte
Não passa de fraqueza disfarçada
A sorte que parece trazer sorte
Não passa dum azar em galopada
... sorte danada ...

A luz que tem o sol descolorido
Não passa dum inverno enganador
O sonho que parece mais florido
Não passa dum jardim desolador
... sem luz nem cor ...

Mistérios são os rumos que previ
Na hora de prever o meu futuro
Facassos são o fruto que colhi
Neste viver tristonho e inseguro
... e pouco puro ...

Promessas foram nuvens de fumaça
Perdidas no espaço do meu erro
E sendo assim, por muito mais que faça
Eu sou a luz do mais cruel desterro
... em que me encerro ...