Blogue especialmente dedicado à minha filha *Marta Castro *a razão maior da minha vida*

---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Sentidos dispersos

---
Pronunciei palavras diferentes
Para retratar momentos desiguais
Remei contra a maré do velho cais
Aonde repousam salpicos deprimentes

Defendi o valor dos inocentes
Com o orgulho leal dum lutador
Aniquilei o sorriso dos dementes
Para fazer sorrir a própria dôr

Misturei alegria com amor
E repeti discursos renovados
Ganhei guerras de mítico valor
Condecorando a memória dos soldados

Na glória dos sonhos consumados
Encontrei o caminho da memória
E arranquei capítulos falhados
Ao livro que revela a nossa história

Amordacei a sede de glória
Para fazer renascer a união
Exaltei os valores da vitória
Em nome do prazer da solidão

Lutei pela justiça da razão
Sepultando no tempo, a rebeldia
E apertei com calor, aquela mão
Que marcou a dureza do meu dia

Bebi do livro da sabedoria
Lições de liberdade consumada
Agora espero ver outra magia
No tempo duma nova madrugada

Sem comentários: