Esta minha poesia // Simples, como o meu valor // São os sopros da magia // Com que descrevo o amor !!! JFC
------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Este site contém versos // De variado sabor // São sentimentos dispersos / Refletindo a minha cor !!! JFC
------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
* Blogue especialmente dedicado à minha filha *Marta Castro *a razão da minha vida *
------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Não penses

---
Não penses meu amor, abandonar-me
Não tentes por favor, pôr-me de lado
Confesso que sem ti, não posso dar-me
Ao fado que me traz tão amarrado

Tu és toda a razão do meu viver
Tu és inspiração, que em mim existe
Sem ti, só sei chorar só sei sofrer
Sem ti, não sei sorrir porque sou triste

Sem ti, sou mais um fado sem ter alma
Sem ti, sou o luar sem luar cheia
Sem ti, sou a maré que não s'acalma
Sou a onda que chora, sobre a areia

Por tudo o que te digo neste fado
Só a ti meu amor, eu posso dar-me
Não tentes, por favor, pôr-me de lado
Não penses meu amor, abandonar-me

Sem comentários: