Blogue especialmente dedicado a minha filha *MARTA CASTRO* a razão maior duma vida em amor !!!

Eu tenho a noção exata // Das minhas limitações // Mas quando d'amor se trata // Perco todas as noções.

A maior parte destes // 670 // poemas têm o Fado como destinatário.

*

O regresso da noite

Quando a noite regressa à hora habitual
Traz sempre para mim a luz da nostalgia
E assim recomeça este meu vendaval
Que apenas tem seu fim quando começa o dia

Quando a noite aparece, aparecem também
Recordações que são rimas da voz que sou
A minh'alma amanhece e nada nem ninguém
Presta alguma atenção ao sonho a que me dou

Quando a noite se cansa e abala em secretismo
Deixando para trás os sonhos que me deu
Pareço uma criança à beira do abismo
Tentado ser capaz de rebuscar o céu