Esta minha poesia // Simples, como o meu valor // São os sopros da magia // Com que descrevo o amor !!! JFC
------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Este site contém versos // De variado sabor // São sentimentos dispersos / Refletindo a minha cor !!! JFC
------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
* Blogue especialmente dedicado à minha filha *Marta Castro *a razão da minha vida *
------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Esta noite que sou eu

---
Esta noite que sou eu... de corpo inteiro
Vestido de manto rubro... encantador
Tem a côr negra do céu... aventureiro
No luar com que me cubro... sem calor

Esta noite que me dá... em solidão
Sentimentos de revolta... sem sentido
É o maior talismã... e a redenção
Dêste meu pecado á solta... meio perdido

Esta noite que me obriga... ternamente
A cantar um sol poente... sem queimar
É raiva que me castiga... docemente
E me destrói lentamente... sem magoar

No entanto, a minha voz... num fado a sós
Marcando a minha saudade... acontecida
Canta apenas para nós... e só por nós

Este fado sem idade... e até sem vida

Sem comentários: