Este modesto blogue é especialmente dedicado à minha filha *MARTA CASTRO* a razão maior duma vida em amor !!!

Eu tenho a noção exata // Das minhas limitações // Mas quando d'amor se trata // Perco todas as noções.

-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

A maior parte destes 760 poemas poemas tem o Fado como destinatário.

---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------- --------------------------------------------------------------------------------------------

SE GOSTA DA MINHA POESIA...CANTE-A !!!

Rimas de desalento

És brilho dum sonho lindo
No fulgor da madrugada
Abraço que vai surgindo
Sempre sem hora marcada

Tempo quente que só traz
Mais calor ao vento norte
Na hora em que a pouca sorte
É sonho que se desfaz

És rima que se coloca
Na história dum poema
Um travo amargo de boca
Quando a sorte nos condena

Também és verso perdido
Nas rimas do pensamento
Um fado desconhecido
Quando a noite é desalento