Este modesto blogue é especialmente dedicado à minha filha *MARTA CASTRO* a razão maior duma vida em amor !!!

Eu tenho a noção exata // Das minhas limitações // Mas quando d'amor se trata // Perco todas as noções.

-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

A maior parte destes 760 poemas poemas tem o Fado como destinatário.

---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------- --------------------------------------------------------------------------------------------

SE GOSTA DA MINHA POESIA...CANTE-A !!!

Poesia de bandeja

Um verso, simples que seja
É sempre uma porta aberta
Na casa do coração
Servindo numa bandeja
Suspiros de rima certa
Com laivos de tradição

Por natural ou vulgar
Que assim à primeira vista
Um verso possa parecer
A alma que o vai cantar
Se for alma de fadista
Vai dar-lhe aquilo que quer

Um verso quando rimado
Sempre tem uma janela
Aberta ao brilho do amor
O fado é sempre mais fado
Quando o poeta é a estrela
Que o faz brilhar melhor