Blogue especialmente dedicado à minha filha *Marta Castro *a razão maior da minha vida*

---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Saudade... escuta-me

- - -
Saudade, verso bendito / amor presente
Digo com sinceridade / em oração
Tudo o que deve ser dito / abertamente
Em nome da liberdade / que me dão

Liberdade que não tenho / nem conheço
Porque tu, vives comigo / e fazes lei
Como forma de castigo / que mereço
Pelo amor sem tamanho / que plantei

Sem tamanho, sem medida / sem alento
Sem presente, sem futuro / sem passado
Onde o sonho é tão escuro / e violento
Que até rouba luz à vida / do meu fado

Por tudo isto, saudade / escuta bem
Apetece-me dizer / sinceramente
Que gostava de poder / ir mais além
Transformar-te em felicidade / permanente

Sem comentários: