Blogue especialmente dedicado à minha filha *Marta Castro *a razão maior da minha vida*

---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Um fado em oração

No momento em que a lua / incandescente
Vagueia no firmamento / adormecido
Meu pensamento flutua / loucamente
No céu do encantamento / apetecido

É então que te componho / meu amor
Um poema genuíno / angustiante
Ao compasso deste sonho / tentador
E pela mão do destino... alucinante

Faço da minha saudade / enfeitiçada
Um rosário de ternura / e sofrimento
E deste amor sem idade / anunciada
Faço a minha desventura / e o meu tormento

E se o amor acontece / magoado
Pela voz desta tristeza / deprimente
A minh’alma até parece / neste fado
Uma oração que se reza / eternamente

Sem comentários: