Blogue especialmente dedicado a minha filha *MARTA CASTRO* a razão maior duma vida em amor !!!

Eu tenho a noção exata // Das minhas limitações // Mas quando d'amor se trata // Perco todas as noções.

A maior parte destes // 670 // poemas têm o Fado como destinatário.

*

Loucura doentia

---
Quero inventar um novo fado em desespero
Que apenas fale no amor p’ra lá do sonho
Talvez, quem sabe, possas ver quanto te quero
E te revejas nos poemas que componho

Quero também usar a minha inspiração
Para rimar o teu olhar, de qualquer jeito
Talvez escutes o meu louco coração
Bater mais forte nas paredes do meu peito

Quero encontrar a rima certa deste amor
Que mais parece uma loucura doentia
O sol da vida, para mim, só tem sabor
Quando te vejo nos vitrais da poesia

Janeiro 2009