Este modesto blogue é especialmente dedicado à minha filha *MARTA CASTRO* a razão maior duma vida em amor !!!

Eu tenho a noção exata // Das minhas limitações // Mas quando d'amor se trata // Perco todas as noções.

-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

A maior parte destes 760 poemas poemas tem o Fado como destinatário.

---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------- --------------------------------------------------------------------------------------------

SE GOSTA DA MINHA POESIA...CANTE-A !!!

Saudade embaladora

No berço onde meu corpo se alimenta
De forças p’ra vencer no dia a dia...
Repousa uma saudade ternurenta
Que tenho, quando chega a nostalgia

Saudade que de mim nunca se afasta
E que me faz sonhar, mesmo acordado
Saudade embaladora que me arrasta
P’ra versos onde o mote é sempre fado

Saudade que penetra quando quer
Na alma que se dá inteiramente
No ritual do meu entardecer
Eu sou o que a saudade me consente

Rendido totalmente à madrugada
Dum tempo em que a dor é menos dor
Procuro ser o porto de chegada

Dum fado onde a minh'alma bebe amor