Este modesto blogue é especialmente dedicado à minha filha *MARTA CASTRO* a razão maior duma vida em amor !!!

Eu tenho a noção exata // Das minhas limitações // Mas quando d'amor se trata // Perco todas as noções.

-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

A maior parte destes 760 poemas poemas tem o Fado como destinatário.

---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------- --------------------------------------------------------------------------------------------

SE GOSTA DA MINHA POESIA...CANTE-A !!!

Fugazmente

Deste-me um sorriso quando te encontrei
Senti que tremi, tal foi a emoção
Deste-me um sorriso que não decifrei
E deixei passar a ocasião;
De dizer-te tudo o que de ti pensei
E então confessar este amor sem lei

Reparei que tinhas um olhar distante
Olhar de que busca um novo caminho
Reparei também que o teu semblante
Outrora uma rosa, parecia um espinho;
Espinho dorido, espinho cortante
Doendo na pele por ser penetrante

Dissemos adeus, até qualquer dia
Talvez o destino nos volte a juntar
Vi nos olhos teus uma nostalgia
Porque viste os meus a lacrimejar;
Ao falar de nós nesta poesia
Solto a minha voz num fado magia