Este modesto blogue é especialmente dedicado à minha filha *MARTA CASTRO* a razão maior duma vida em amor !!!

Eu tenho a noção exata // Das minhas limitações // Mas quando d'amor se trata // Perco todas as noções.

-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

A maior parte destes 760 poemas poemas tem o Fado como destinatário.

---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------- --------------------------------------------------------------------------------------------

SE GOSTA DA MINHA POESIA...CANTE-A !!!

Maldita guerra

As luzes da guerra / Num país irmão
Vão manchando a terra / Que daria pão

E o pão desta vida / Vai sendo pisado
P'la ira incontida / Dum poder errado

Os corpos dum povo / Indefeso e triste
São alvos dum corvo / Que na selva existe

O sangue arrefece / Transforma-se em nada
E o povo padece / Duma forma errada

Crianças buscando / Um porto de abrigo
E pais suportando / O fogo inimigo

Os gritos de dôr / Num som infernal
Têm o sabor / E a côr do mal

A noite e o dia / São á mesma hora
E o povo implora / Paz e harmonia

Os Deuses da terra / N
ão guardam os seus
Porque numa guerra / N
ão pode haver Deus!