Este modesto blogue é especialmente dedicado à minha filha *MARTA CASTRO* a razão maior duma vida em amor !!!

Eu tenho a noção exata // Das minhas limitações // Mas quando d'amor se trata // Perco todas as noções.

-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

A maior parte destes 760 poemas poemas tem o Fado como destinatário.

---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------- --------------------------------------------------------------------------------------------

SE GOSTA DA MINHA POESIA...CANTE-A !!!

Pecado nobre

Eu trago a minha mente carregada
De sonhos, de saudade e de tristeza
E trago a minha alma enfeitiçada
P’lo fado onde o pecado tem nobreza

Também trago a bailar na minha boca
O nome que te deram ao nascer
O teu amor por mim, é coisa pouca
O meu amor por ti é o entardecer

Caminhos do meu fado, enquanto sonho
São sempre o nosso rumo desigual
Nos versos que decifro ou componho
Tu és o meu pecado natural

Aeito a solidão como castigo
Aceito até um fado em desamor
Vivendo esta paixão, vivo contigo
E vou gritar ao mundo o meu amor