Esta minha poesia // Simples, como o meu valor // São os sopros da magia // Com que descrevo o amor !!! JFC
------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Este site contém versos // De variado sabor // São sentimentos dispersos / Refletindo a minha cor !!! JFC
------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
* Blogue especialmente dedicado à minha filha *Marta Castro *a razão da minha vida *
------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Fruto proíbido

---
Trago no corpo, um mar de tempestade
Trago no olhar, milhões de roseirais
Na mente, trago imensos vendavais
Na alma que me dói, trago saudades

Na voz, trago palavras por gritar
No peito, trago um sonho proibido
Tu és o meu desejo permitido
Por ti eu não me canso de sonhar

Sou verso triste se não estás comigo
Fico buscando, a voz do amor teu
Estar longe de ti, já não consigo
Nem consigo fitar a luz do céu

Eu quero ser o teu amanhecer
Eu quero ser o sol do teu verão
Prefiro ser a luz do teu viver
Do que ser o prazer da solidão

Sem comentários: