Este modesto blogue é especialmente dedicado à minha filha *MARTA CASTRO* a razão maior duma vida em amor !!!

Eu tenho a noção exata // Das minhas limitações // Mas quando d'amor se trata // Perco todas as noções.

-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

A maior parte destes 760 poemas poemas tem o Fado como destinatário.

---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------- --------------------------------------------------------------------------------------------

SE GOSTA DA MINHA POESIA...CANTE-A !!!

A luz do teu apego

A minha sorte depende
Da luz desse teu apego
Se fôr muito... a luz acende
Se fôr pouco... fico cego


A minha sorte não tem
A direcção que eu queria
Anda na vida, porém

A tristeza é o seu guia

A minha sorte não vê
Os passos que dá em vão
Por muitos passos que dê

Não alcança a tua mão

Ai sorte da minha vida
Ai vida da minha sorte
Terei a missão cumprida

No dia da minha morte